Category Marketing



Hitbox reforça sua presença no mercado de eSports com parceiros como ESL, DreamHack e Wargaming


Hitbox, lar de milhões de streamers de games de todo o mundo, está aprofundando a sua expansão para o ramo dos eSports com três importantes parcerias estratégicas. Dois dos novos acordos incluem: um contrato de transmissão de dois anos para todo conteúdo de eSports produzidos pela ESL e os direitos de transmissão exclusiva para todo o conteúdo da DreamHack em Português e Russo. Além disso, a desenvolvedora e editora de jogos Wargaming anunciou que vai transmitir seu maior evento de eSports do ano, o World of Tanks Grand Finals, na Hitbox nos dias 8 e 9 de Abril.

hitbox-Martin-Klimscha-marketing-gamesMartin Klimscha, CEO e co-fundador da Hitbox
“Estamos muito satisfeitos com a parceria com estas organizações influentes dentro da arena de eSports. Trabalhar com ESL, DreamHack e Wargaming fornece a nossa comunidade global o conteúdo exclusivo que eles querem, enquanto ao mesmo tempo nos permite expandir para um público ainda maior em todo o mundo. A nova parceria com a ESL não poderia ter sido assinada em melhor hora. Não só nos permitiu transmitir o 10º aniversário da Intel® Extreme Masters, a mais antiga série de torneios internacionais de eSports, como também continuar a oferecer streams da ESL que variam de competições que lotam estádios até jogos da liga on-line pelos próximos dois anos. Fãs da ESL finalmente terão acesso à experiência de bate-papo mais avançada, mais rápida e os fluxos de vídeo da mais alta qualidade na indústria. “

O próximo evento organizado pela ESL para ser transmitido no âmbito do novo acordo é o maior torneio de World of Tanks da Wargaming no ano: o Grand Finals 2016. A Hitbox irá fornecer a livestream oficial a sua comunidade mundial em Inglês, Polonês e Russo.

A parceria com o DreamHack, o maior festival de jogos digitais do mundo, decorre da enorme popularidade da Hitbox em países que falam Português e Russo, regiões onde o mercado de eSports está crescendo exponencialmente e onde a Hitbox irá entregar as livestreams oficiais com exclusividade.

“Estamos muito orgulhosos da parceria com essas organizações de alto perfil de eSports que valorizam e reconhecem a importância da nossa tecnologia e comunidade dedicada”, acrescentou Klimscha. “O mercado de eSports é uma força motriz para a indústria, e a Hitbox está na vanguarda com muito mais por vir.”

Para não perder nenhuma novidade da Hitbox no Brasil, não deixe de acompanhar o perfil nacional no Twitter e Facebook.


Twitch dá início às operações de negócios e formatos publicitários para toda América Latina


Twitch e IMS Internet Media Services, uma joint venture com a Sony Pictures Television e líder em marketing e comunicação digital irá representar o dinâmico inventário publicitário do Twitch voltado para os usuários de toda a região com foco inicial no Brasil e no México.

twitch-to-livestream-the-e3-eventO Twitch é uma plataforma de vídeo e comunidade para gamers líder no mundo. A cada mês, mais de 100 milhões de membros da comunidade se reúnem para assistir e comentar sobre jogos com mais de 1.7 milhões de produtores de conteúdo. A plataforma do Twitch de transmissão ao vivo e on demand abarca toda a indústria de games, incluindo desenvolvedores de jogos, publishers, veículos de comunicação, eventos, desenvolvedores de conteúdo e todo o cenário esportivo.

Com objetivo de desenvolver e expandir a presença da marca e os negócios da plataforma, a IMS traz as operações comerciais e de marketing do Twitch para todos os países latino-americanos

A plataforma social de vídeo para gamers recrutou a IMS confiando em seu expertise em desenvolver o mercado de digital e marketing, assim como no conhecimento da empresa sobre a cultura da América Latina com o objetivo de expandir as oportunidades de negócios ao longo de toda a região, e educar as marcas anunciantes em como se conectar com consumidores de língua espanhola e portuguesa da América Latina.

ignacioIgnacio Vidaguren, COO e Partner da IMS
“A América Latina é um mercado emergente para games. O Twitch tem liderado uma profunda transformação na indústria de games oferecendo todos os aspectos sociais e de entretenimento que os ‘millenials’ esperam de uma plataforma de jogo. Nosso trabalho estará focado em conectar o Twitch com marcas e agências oferecendo assim valor para o ecossistema de game e digital por meio de técnicas inovadoras de engajamento publicitário”.

jonathanJonathan Simpson-Bint, Chief Revenue Officer do Twitch
“Assistir e transmitir jogos online com a nossa plataforma é um fenômeno global que reúne mais de 100 milhões de pessoas que assistem bilhões de minutos de jogos por mês – do The International ao recordista mundial Mario, até conferências de jogos como a E3 e a EGS. Por termos uma comunidade de transmissores de conteúdo e de espectadores na América Latina que é altamente engajada e social, nós estamos confiantes em contar com a IMS para colaborar com o fortalecimento do nosso relacionamento com a indústria na região.”

A região latino-americana representa US $ 4 bilhões do mercado global de games que somou US $ 91 bilhões no ano passado, e alcança uma marca de 1.9 bilhões de pessoas em todo o mundo.


Dicas de Marketing para o seu Indie Game


Desde que comecei a me aventurar a estudar, aprender e escrever sobre jogos indie, percebi que muitos estúdios nacionais iniciantes cometem repetidamente erros muito semelhantes e que muitas vezes acabam prejudicando seriamente a divulgação e o sucesso do produto final. Pude observar, ao conhecer diversos jogos, que os estúdios nacionais de desenvolvimento possuem no geral uma capacidade incrível de produzir jogos de qualidade, com temáticas e estéticas inovadoras, mas que pouco se destacam dentro do mercado de games. Porque?

Acredito que em muitos desses casos, o pecado está na comunicação fraca ou inexistente. O marketing é de vital importância para o sucesso de um jogo e não pode ser desconsiderado na hora da criação do game, resolvi então consolidar algumas dicas para quem não sabe o que fazer ou por onde começar. Espero que as dicas básicas que seguem sirvam de alguma ajuda.

Tenha um site

Sim, eu sei. Esta pode parecer uma dica básica demais e até bem boba, mas já me deparei (e não foram poucas as vezes) com jogos prontos ou em fase avançada de desenvolvimento que não possuíam nenhum site consolidando informações. Estúdios pequenos costumam cair muito nesse erro, mas para crescer é preciso investir, pelo menos, em um site organizado, apresentável e que reúna as principais informações do estúdio e do jogo em desenvolvimento. Precisa ter um site para cada? Não necessariamente, mas é preciso separar de maneira harmônica o local onde o visitante encontra informações do estúdio e onde ficam as informações do jogo (ou jogos e outros trabalhos) produzidos. Informações básicas de contato também são cruciais, no mínimo é preciso disponibilizar um telefone e um email e não vale esconder em uma sessão impossível de ser encontrada. A informação de contato tem que ser de fácil acesso, clara e objetiva. Muitos estúdios tem projetos em plataformas de financiamento coletivo e acreditam que ter uma sessão lá, ser suficiente, mas o site irá reunir todas as informações mais importantes em um só lugar e será um verdadeiro cartão de visitas para quem quiser conhecer o seu trabalho, portanto, prepare algo bem bonito que possa mostrar quem você é e a que veio.

Tenha Facebook, Twitter, Instagram, Youtube etc – e mantenha os canais atualizados

Ter perfis em redes sociais é de extrema importância para o seu estúdio e o seu jogo indie. Novamente, não é necessário, caso você não tenha uma equipe de social media, criar um perfil para cada jogo ou projeto, mas é importante pelo menos, que o estúdio tenha seus perfis nas redes e que sejam bem administrados e atualizados com frequência. Você pode criar sessões, listas, hashtags ou álbuns para cada um dos seus projetos, concentrando todo seu trabalho em um perfil do seu estúdio que servirá no futuro como um grande portfólio visual de tudo que você desenvolver. O ideal seria designar um profissional para cuidar disso exclusivamente, ter sempre publicações recentes a serem exibidas, interagir com quem falar com você nas redes sociais e manter uma identidade visual semelhante a utilizada no site. Na total impossibilidade de manter um profissional só para social media, a tarefa deve ser atribuída a alguém com conhecimento na área, o responsável por falar sobre o estúdio e os jogos nas redes sociais deve conhecer o trabalho que está sendo desenvolvido, jogar e ter tempo e desenvoltura suficiente para se comunicar em nome da empresa sem prejudicar sua imagem. Não sabe o que postar? Fuja do óbvio e da exclusividade dos diários de desenvolvimento. Falar do desenvolvimento do jogo é bacana sim, mas não precisa ficar só nisso, vale mostrar os bastidores do desenvolvimento, a galera do estúdio no dia a dia, artes, eventos, curiosidades. Bora colocar a cabeça para funcionar e a criatividade para fluir. Tem muitos posts em um único dia? Nada de fazer flood, programe postagens e distribua o conteúdo mantendo os canais atualizados sem saturar sua audiência.

Ter um Media Kit é bom e todo mundo gosta

Como eu apresento meu jogo para um blog, como o Marketing e Games, por exemplo? Entre em contato (sempre ou preferencialmente por email) com blogs, canais do Youtube, influenciadores e plataformas que possam te ajudar, mas tenha em mãos um media kit com as informações a serem apresentadas. Dá trabalho? Dá! Mas vale à pena. O media kit vai te ajudar (e muito) na hora de apresentar e distribuir seu trabalho pela internet, tenha descrições curtas e detalhas do jogo, imagens e toda informação que você gostaria que fosse compartilhada pela imprensa. Você pode também deixá-lo disponível no seu site para download, permitindo que qualquer pessoa que venha a conhecer o seu trabalho tenha acesso as informações necessárias para te ajudar a divulgar seu game. Uma vez que você puder começar a trabalhar com assessoria de imprensa, o media kit será simplesmente indispensável, lembre-se também de que o material deve ser compartilhável, leve e completo.

Se mantenha no hype

Trabalhar em uma comunidade e criar uma expectativa com relação ao jogo é uma estratégia muito bacana de crescimento, uma maneira interessante de gerar, aumentar e manter o interesse da audiência é fazer livestreams apresentando pequenas partes do jogo ou com um bate papo sobre desenvolvimento (a Hitbox é a plataforma ideal para isso, inclusive). Os bate papos ao vivo permitem responder perguntas, trocar ideias e sentir o feedback da comunidade com relação ao que está pronto podendo também atrair a atenção da imprensa e de outros streamers. Vale também, uma vez que tiver o jogo pronto, compartilhar chaves de acesso ao game com streamers, mas não se esqueça: não vale compartilhar uma chave de acesso com um streamer ou youtuber só porque ele tem um canal grande, procure por produtores de conteúdo cujo interesse seja em jogos parecidos, ou da mesma temática que o seu. Muitos estúdios (e aí, também entram estúdios grandes) caem no erro de mandar keys para grandes streamers e youtubers que ou cobram valores exorbitantes, ou produzem um material de baixa qualidade sobre seu jogo ou até nem sequer jogam. Neste caso vale muito mais ter vários youtuber e streamers menores que jogam, curtem e produzem bons reviews do seu jogo do que ter poucos que só falarão de você por dinheiro e sem nenhuma credibilidade.

Para que um estúdio indie tenha sucesso, o desenvolvimento  de um jogo de qualidade é crucial, mas é preciso também cuidar com carinho da imagem do estúdio, por menor que ele seja e trabalhar sim, fortemente o marketing. Dedique tempo as redes sociais, visite sites e redes de outros estúdios nacionais e internacionais e reserve uma verba de investimento para publicidade assim que puder. Se a verba demorar, vale trabalhar com o que tem e agarrar toda e qualquer chance de conseguir uma boa divulgação e essa chance pode vir sim, de uma rede social ou um blog.

De nada adianta ter um game maravilhoso se ninguém vai conhecê-lo e só existe uma maneira de mostrar sua capacidade e seu trabalho para todo mundo: e é através da comunicação. 😉 Não se esqueça disso!


Mythological Gamers é a campanha da Agência WE para divisão de games da HyperX


Pra quem ainda acha que os Games não são coisa séria, deem só uma olhada na campanha Mythological Gamers desenvolvida pela Agência WE para a HyperX, divisão da Kingston Techonology que fabrica produtos para gamers e entusiastas de tecnologia – como componentes e acessórios –, tem criação de Ricardo Sarno, Fernando Silva e direção de criação de Guy Costa.

Fabio Bottallo, gerente de marketing da Kingston Brasil
“HyperX é uma linha de produtos de alta performance, por isso uma campanha forte e visceral é fundamental para se destacar dentro do universo gamers” 

As peças da campanha Mythological Gamers são realistas e demonstram poder e ação, fazendo uma analogia aos Centauros. As imagens foram produzidas pelo Studio Carioca da Romênia, sendo este seu primeiro trabalho no Brasil.

man

woman

Guy Costa VP de Criação da Agência WE
“Todo gamer é um guerreiro, mas só os fortes se tornam mitos. A força, agilidade e movimento fazem com que a campanha Mythological Gamers se torne única”, diz Guy Costa.


FORD investe na “Gamificação” para criar novas soluções de transporte


A Ford está investindo na “gamificação” – o uso dos recursos visuais, de desafio e recompensa dos games – para melhorar a experiência do consumidor com seus veículos e incentivar o desenvolvimento de novas soluções de transporte. Um exemplo dessa estratégia é o painel do Fusion Hybrid, que mostra a economia de combustível obtida pelo motorista por meio do crescimento de folhas coloridas na tela.

6d87700d-61d8-4e50-8b6f-2732c15c2dcfO mesmo conceito está sendo aplicado no Ford Smart Mobility Game Challenge, competição promovida pela Ford na Europa. Seu objetivo é premiar os desenvolvedores de jogos on-line que integrem os diferentes meios de transporte de uma cidade de forma divertida e envolvente.

Os seis finalistas foram selecionados durante a Gamescom, maior evento de games da Europa, e uma maratona “Hackaton” de 30 horas promovida este mês na Alemanha. Na próxima fase, um júri de especialistas vai apontar os três finalistas, e também o vencedor, no Mobile World Congress, em 22 de fevereiro de 2016. Os games concorrentes são:

deCommute – jogo de planejamento de rotas, em que as equipes somam pontos de acordo com a distância percorrida e economia de tempo e energia.
ECO Saviour – os múltiplos jogadores ganham “pontos de poluição” ao reduzir os níveis de emissões em uma cidade virtual. A pontuação é baseada no modo como eles viajam no mundo real.
Jaunt – ferramenta interativa que une usuários em trajetos compartilhados, regulares ou esporádicos. Além de economizar dinheiro, é um modo de fazer novos amigos.
moopi – permite aos usuários criar um avatar “moopi”, adaptando suas viagens para encontrar as rotas mais eficientes.
SelfieGo – o aplicativo mostra em um mapa com GPS as rotas e atrações mais famosas da cidade para se tirar selfies e permite o seu compartilhamento nas redes sociais.
wave-calmer – transforma os congestionamentos em jogo e incentiva os motoristas a manter uma velocidade constante, por meio de gráficos projetados no para-brisa. Ajuda o trafego a fluir melhor e previne acidentes.

Will Farrelly, Experiência de Inovação dos Usuários da Ford Europa
“Os games são um modo divertido, envolvente e gratificante de obter informações, além de proporcionar viagens mais tranquilas com o compartilhamento de dados. 
A gamificação já mostrou ser uma maneira eficiente de buscar soluções para problemas da vida real em diversas áreas, como a pesquisa da cura da AIDS. As suas descobertas também podem trazer propostas inovadoras para integrar o transporte urbano e mudar o comportamento dos usuários”


Patrocínio à equipe de e-Sports chega para fortalecer o Santos Dexterity


A Razer costuma sempre apostar em esportes eletrônicos e com isso, recentemente anunciou o patrocínio à equipe de e-Sports Santos.Dex, que representa o Santos Futebol Clube nos torneios de League of Legends, Counter Strike: Global Offensive, Battlefield 4, World of War Craft, Smite e Loadout, e, a partir de agora, ostentará ao lado do escudo do time santista, também a marca da Razer. Além dos uniformes estampados com a logomarca, o patrocínio garante que todos os atletas do Santos.Dex usem os acessórios Razer nos treinamentos e torneios oficiais.

patrocínio-Santos-Dex-marketing-games-razerVitor Martins, diretor da Razer na América Latina
“O Santos é um dos maiores times de futebol do Brasil e conhecido internacionalmente. Ao fazer uma parceria com o – até então Dexterity Team – , e agora Santos.Dex, o clube atesta a força e a visibilidades dos e-Sports e nos estimula a, cada vez mais, investir nos esportes eletrônicos. A Razer sempre procura estar ao lado daqueles que trabalham sério em prol de construir um cenário de e-Sports ainda mais forte. É motivo de muito orgulho patrocinar uma equipe que tem o respaldo, o profissionalismo e a força da marca Santos.”

Em breve, fãs do time poderão encontrar as camisas do Santos.Dex já com o logo da Razer nas lojas oficiais do Santos Futebol Clube.


Electronic Arts (EA) fecha parceria para trabalhar com publicidade em todos os seus jogos


unnamedA IMS Internet Media Services (IMS) e a Electronic Arts (EA) anunciam hoje parceria que irá colaborar com marcas da região para que elas trabalhem com publicidade e engajem jogadores de toda a América Latina. A IMS, o maior hub de meios digitais do Vale do Silício para a América Latina, irá representar o dinâmico portfolio publicitário disponível dentro dos jogos da EA de olho nos consumidores da América Latina. Inicialmente as atividades estarão focadas no México e no Brasil.

A EA é uma das principais marcas de entretenimento no mundo, com licenças de vídeo games líderes em vendas, tecnologias interativas premiadas, programas de fãs e experiências digitais multiplataformas. Com jogos como o EA SPORTS™ FIFA, Real Racing™ 3 e Plants vs. Zombies™, a EA interage com milhões de usuários ativos mensalmente apenas na América Latina, sendo nesta mesma região onde os aplicativos de jogos são o tipo de conteúdo mais baixado, à frente de vídeos e música.

gastonGastón Taratuta, CEO e fundador da IMS
“Com a categoria de jogos para dispositivos móveis passando por crescimento anual (CAGR) de 45% para o período entre 2014 e 2018 em um mercado que vem gradualmente se posicionando como um dos mais representativos no setor mobile no mundo, não há dúvidas que a América Latina é um mercado imenso para este segmento. Esperamos conectar marcas aos gamers, e oferecer valor em todo o ecossistema por meio de formatos e técnicas publicitárias inovadoras que possam motivar e atrair os usuários enquanto jogam”.

A América Latina representa US$ 4 bilhões do mercado global de games que totaliza mais de US$ 91 bilhões em 2015, e atinge cerca de 1.9 bilhão de pessoas em todo o mundo (NewZoo Global Games Market Report 2015). Além disso, os jogadores não costumam interagir com segundas telas, e por isso dedicam toda atenção ao jogo.

daveDave Madden, Vice-Presidente da Global Media Solutions, da EA
“Os anúncios em vídeo nos jogos da EA contam com um recall 2,5 vezes maior do que a televisão, o que faz deste meio um ambiente poderoso para conectar marcas com consumidores. Estamos animados pelo início das nossas atividades com a IMS para poder contribuir com que as marcas levem valor a uma audiência com alto nível de engajamento na região”.

Com 10 anos de experiência atuando na arena digital na América Latina, a IMS tem parcerias estabelecidas com plataformas e marcas de todo o mundo para oferecer ferramentas publicitárias inovadoras para marcas locais e regionais.

EA SPORTS, Real Racing e Plants vs. Zombies são marcas registradas da Electronic Arts Inc. FIFA é uma propriedade do seu respectivo proprietário e usada com permissão


FORD Convida desenvolvedores de games a criar soluções para problemas globais de mobilidade


A Ford anunciou durante a Gamescom, maior feira de games da Europa, em Colônia, na Alemanha, uma competição que convida os desenvolvedores de games a criar soluções para os problemas globais de mobilidade. O desafio, chamado Ford Smart Mobility Game Challenge, tem como foco integrar os diferentes modos de transporte de uma cidade, transformando esse desafio em um jogo online divertido e envolvente.

O vencedor receberá um prêmio de 10 mil euros e poderá mostrar seu trabalho no Congresso Mundial da Mobilidade 2016, em Barcelona. As inscrições podem ser feitas em www.ford-smart-mobility-game-challenge.com até 1º de outubro de 2015. O programa foi criado pela Ford junto com o Cologne Game Lab, centro acadêmico e de pensamento que faz parte da Faculdade de Ciências Culturais da Universidade de Colônia, na Alemanha.

A gamificação – aplicação da mecânica dos videogames em outras áreas – mostrou ser uma forma eficaz de resolver problemas da vida real. O aprendizado gerado pelo Ford Smart Mobility Game Challenge pode ajudar a criar soluções inovadoras para a integração do transporte urbano. Os jogos poderiam, por exemplo, recompensar os passageiros por viagens bem-sucedidas, com base em critérios como tempo, custo, conforto e conveniência, usando dados pessoais do usuário e tecnologias dos smartphones e relógios.

Ken Washington, vice-presidente de Pesquisa e Engenharia Avançada da Ford
“O Smart Mobility Game Challenge foi criado para aproveitar a criatividade da comunidade de games e trazer uma nova abordagem para as questões globais da mobilidade de hoje. Aplicar os aspectos de diversão, envolvimento e recompensa dos games no planejamento de viagens pode permitir às pessoas melhorar seus trajetos e perceber como o seu comportamento impacta a infraestrutura de transporte como um todo.”

O Smart Mobility Game Challenge faz parte do Ford Smart Mobility, programa da Ford para ajudar a inovar o transporte no mundo. Uma pesquisa recente promovida pela Ford com 5.500 passageiros nas principais cidades europeias mostrou que a maioria das pessoas considera a sua viagem para o trabalho mais estressante que o próprio emprego.


Satellite Rush, shooter sci-fi brasileiro, tenta a sorte no Kickstarter


Não é novidade que o mercado brasileiro de jogos não é promissor no que tange conseguir investimento e/ou o apoio de produtoras para desenvolver seu projeto. Então não é de se espantar que muitos desenvolvedores brazucas busquem outras formas de conseguirem dinheiro. Uma das mais comuns é o financiamento coletivo.

Temos alguns casos de sucesso de crowdfunding de jogos brasileiros, como A Lenda do Herói que bateu recordes no Catarse e o Chroma Squad que foi financiado através do Kickstarter. Agora é a vez da Kimeric Labs, desenvolvedora do Rio de Janeiro, tentar a sorte. O jogo deles, Satellite Rush, está buscando financiamento através do Kickstarter.

O Jogo

Satellite Rush é um shooter sci-fi top-down, com gráficos em pixel art e elementos roguelike e procedurais. Alguns têm se referido ao jogo como o The Binding of Isaac brasileiro, já que este é fortemente influenciado pelo título de sucesso de Edmund McMillen.

Gordinho -Satellite-Rush-marketing-gamesEm Satellite Rush você é o Gordinho, um trabalhador que é abduzido para uma arena extra-terrestre onde tem que derrotar alienígenas facínoras e robôs sanguinários enquanto tenta manter a platéia feliz. Um público entretido irá jogar itens e power-ups para você, já um público entediado irá – no mínimo – te vaiar… Smash TV, alguém?

Você terá várias armas inter-galáticas a seu dispor para derrotar os diferentes inimigos e cada nova sala trará uma surpresa! Por se tratar de um jogo com design procedural, a ordem das fases sempre muda e seu trajeto será diferente cada vez que jogar. O game é bastante desafiador (ser abduzido não é para os fracos), mas muito, muito divertido e engraçado.

O melhor de tudo é que com apenas $5 o jogo será seu! É claro que se gostou mesmo do conceito, você vai querer escolher uma recompensa mais alta, mas saiba que por muito pouco você ganha o jogo e recompensas, além de ajudar a fomentar a indústria brasileira de jogos!

Então dá uma chegada na campanha de Kickstarter do Satellite Rush e escolha seu pledge!
Aproveite e experimente o demo do game! 😉


Em apenas 90 dias, IGN Brasil alcança 1,3 milhão de usuários únicos


O sucesso não é apenas nos EUA. Por aqui, os apaixonados por games estão se inteirando cada vez mais sobre os conteúdos que os aproximam das novidades do universo geek. Desde a chegada no país em fevereiro deste ano, o IGN (www.br.ign.com) – maior portal de games do mundo e editado no Brasil pelo o publisher francês Webedia Group – já conquistou 3,8 milhões de visitas mensais e 1,3 milhão únicos em apenas 90 dias, segundo dados da ComScore.

renato-paiva-webedia-marketing-games

Renato Paiva

A conquista já era algo esperado pelo grupo de acordo com Renato Paiva, vice-presidente comercial do Webedia no Brasil. Para ele, num mercado global que movimentou, em 2014, US$ 1,3 bilhão, o país é um dos principais mercados de games do mundo em potencial. 

“Os games são um fenômeno no Brasil e o IGN é a maior marca de mídia deste segmento em todo o mundo. O potencial da versão brasileira é enorme e nos abre uma grande oportunidade para criar mais um líder de mercado.”

A oportunidade já é vista pelos anunciantes, que utilizam toda a praticidade da plataforma do Webedia para destacar seus produtos e serviços para o público alvo. “Precisávamos alavancar ainda mais a identificação com os lançamentos Battlefield Hardline e Mortal Kombat-X, e as campanhas que desenvolvemos junto ao IGN trouxeram resultados excelentes para a nossa estratégia de marketing”, comenta Alessandra Koster Aguiar, gerente demarketing de games da Warner. Segundo a executiva, em Battlefield Hardline, o IGN representou 26% do total de impressões de wallpaper, banner e vídeo pre-rol. Já em Mortal Kombat X foram 17% do total de impressões do tráfego pago, com wallpaper emasthead.

daniel-aguiar-gerente-de-marketing-mercado-livre-games

Daniel Aguiar, Gerente de Marketing do Mercado Livre

Na avaliação de Daniel Aguiar, gerente de marketing do Mercado Livre, o IGN representa uma oportunidade única no setor de games, fazendo com que o vertical tenha uma posição de liderança estabelecida e de relevância local em mais mercados do que qualquer outra marca de mídia. 

“Fizemos uma ação no portal que nos auxiliou a estreitarmos os laços com o público jovem e engajado com games. Sentimos um retorno muito positivo do público no nosso site e sabemos o quão importante foi à vinda do IGN para o Brasil, que é um país com muito espaço ainda para crescer neste segmento.”

O IGN.com está disponível em 23 edições internacionais espalhadas por mais de 100 países, em 17 diferentes línguas, com audiência total de mais de 60 milhões de usuários únicos por mês. Sua audiência total é de mais de 60 milhões de usuários únicos por mês na Europa, África, Ásia, América Central e América Latina. Sua presença internacional está disponível em um mapa interativo online no endereço: http://world.ign.com.